domingo, 18 de outubro de 2009

Ecdise

Há dias de suavidade
Em que todos os sentidos
Desabrolham-se.

Outros de total aspereza,
ecdise sentimental.
Em que o envoltório de mim
é couraça impenetrável,
feito de densas arrebentações
não há o que fazer.

Somente esperar o fim.

2 comentários:

Pílula poética - assepsia

Assim suspensa no silêncio da casa me movo, e meus pós acumulados pelos anos como aspirar? [alguém aspira? – eu só sei inspirar] Minhas ...