sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Poeminha confessional

Ouvi a confissão de minha irmã
Pouco capturei desses algoritmos.

com o olhar cheio de compreensões mudas
laços familiares,
lhe digo que pouco tenho da rigidez do número.
Assombros vieram sempre das palavras.


Palavra é desdobrável. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Exercício urbano

Fui tomada pelo insano desejo de ver o chão, difícil abaixar os olhos, ensinar a métrica do chão nesse olho tão viciado em céu. chão mor...