domingo, 7 de setembro de 2014

1.    Poesia é palavra cansada da rotina

2.     Poema fica dependurado
Suporte analógico ou digital
cada um põe o seu onde quer
[ no box do banheiro vira esmaecimento]

3.Poesia dependurada :
saldo devedor
atordoa .
Deito os olhos, ela chama
viro de lado, ela cutuca
nada pode contra.

4.  Origem da poesia:
não identificada.
Acontece da poesia solta na rua
passar perto,
ser capturada no papel.
[ sem nenhuma coincidência com a vida real]

5. Poeta é desenhista da palavra,
tentativa de colocar ângulos.
não percebidos.
palavra esboça coisas.




Pequena crônica poética – sobre os lençóis

Paisagens mutantes, vento e areia minúsculos pontos brilhantes envolvidos num sopro. Sopros e pontos brilhantes construindo relevos. Lá ...