segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Sobre as secas e agostos


Agostos ácidos,
com a terra abrindo-se em veios,
colorindo o céu de ocre,
sob tempestades vermelhas.
O verde esmaecido,
Todas as naturezas derretem
na torridez do sol,
amarelos, roxos
irrompem por sobre o ocre,
em meio ácido.

Um comentário:

Exercício urbano

Fui tomada pelo insano desejo de ver o chão, difícil abaixar os olhos, ensinar a métrica do chão nesse olho tão viciado em céu. chão mor...