terça-feira, 15 de setembro de 2009

Partícula de banco

Transbordo fora
Aquilo de dentro
Seja o que for.

Um comentário:

  1. Oi raquel! tb se experimentando na tentação da redução do poema?? Adoro este vício. Parabéns, gostei do seu. Eu acho que, quando se espreme um poema, pra ficar curto, ele fica denso, cheio de significado em pouca palavra.!

    ResponderExcluir

Mares brilhantes

Tudo chega tão rápido, Mares infinitos que se abrem por meio de telas brilhantes. Tanto mais eu nado, mais me afogo. Bits brilhantes de m...